Balde Cheio‎ > ‎Notícias‎ > ‎

Balde Cheio: Números superam expectativas

postado em 3 de out de 2017 10:54 por Augusto Portugal   [ 3 de out de 2017 10:58 atualizado‎(s)‎ ]

BH, 02 de outubro de  2017

 


Em reunião na FAEMG, a EMBRAPA apresentou os resultados de 2016 do programa Balde Cheio; os dados foram levantados em 288 propriedades mineiras.  Os números mostraram que os resultados são positivos e a atividade leiteira, mesmo em momento de crise, pode ser rentável.  

 

Para o diretor da FAEMG e presidente da Comissão de Leite da CNA, Rodrigo Alvim, “os indicadores mostram que, além de competitiva, a atividade nas propriedades assistidas pelo Balde Cheio podem ser menos dramáticas, mesmo em momentos de crise”.

 

O analista de agronegócio da FAEMG, Wallisson Lara, informou que “a média da produtividade das fazendas visitadas chegou a 4,4 mil litros/hectare/ano, números registrados em países como Uruguai e Nova Zelândia. “

 

A FAEMG  tem a gestão o Balde Cheio em Minas Gerais há cerca de dez anos; o programa é um projeto da Embrapa Sudeste (São Carlos/SP).  O coordenador do Balde Cheio, Walter Ribeiro, explica que o programa oferece assistência técnica em todas as etapas de produção. “Identificamos gargalos e ajudamos na busca de soluções e oportunidades”.

 

O Chefe Adjunto da Embrapa Sudeste, André Novo, disse que a parceria com a FAEMG está consolidada e é da maior importância para os produtores. “Os dados são a prova da eficiência e da importância do Balde Cheio para os produtores”. 

Comments